Notícia
Encerar o veículo é mais importante do que você imagina.
Encerar o veículo é mais importante do que você imagina.
23/07/2020 às 12:00

Qual foi a última vez que você encerou o seu veículo? Não lembra?

Encerar o carro é tão fundamental quanto a sua lavagem periódica. Você vai entender o porquê depois de ler essa matéria.

 

Muitas pessoas só se preocupam em manter o seu veículo limpo e esquecem de encerá-los. A cera automotiva é fundamental para conservar e manter a pintura do seu carro como nova.


O verniz, última camada que dá brilho à pintura automotiva, tende a ficar ressecado, opaco e sem aquele brilho reflexivo se exposto ao sol sem proteção. Podemos compará-lo a pele humana, precisando de hidratação a cada 30 dias para veículos que ficam expostos ao tempo ou a cada 45 ou 60 dias em carros de garagem ou que ficam em locais cobertos.


Além dos raios solares, a cera também protege a pintura do automóvel contra ferrugem, poluição, dejetos de pássaros, resquícios de árvores, entre outros.


E não para por aí. Encerar o carro também ajuda a evitar que as sujeiras penetrem no verniz e estraguem o visual da pintura. Já está com vontade de encerar o seu veículo né?


Não é apenas uma questão estética, pois a carnaúba das ceras de boa qualidade funciona como uma camada fina de proteção evitando a lavagem frequente e mantendo o brilho e proteção da carroceria”, explica Henrique Caran, diretor do grupo Interbrilho fabricante da Cerabrill.


Realmente encerar o carro com estopa e flanelas é trabalhoso e cansativo, mas isso é coisa do passado. Hoje a tecnologia ajuda a reduzir esse esforço e melhorar o resultado. Você pode usar os aplicadores (que são como esponjas) e panos microfibra. Mas lembre-se, antes de encerar é preciso lavar, secar bem o seu veículo e aplicar o produto na sombra, jamais faça a aplicação no sol e com o carro molhado (existem algumas ceras para carros molhados).



 

Mas qual cera devo utilizar?


Basicamente existem 4 tipos de cera, uma para cada ocasião e circunstância. Saiba mais sobre cada uma delas.

 

Cera em Pasta:


A cera pastosa possui uma aplicação mais trabalhosa e deve ser evitado o contato com as partes plásticas do veículo, já que podem causar manchas. Geralmente é uma cera mais “forte”. Não devem ser usadas com muita frequência, recomenda-se a reutilização em um intervalo de seis meses. Ceras com carnaúba ou à base d’água são melhores e menos agressivas para a pintura.

 

Cera Líquida:


A cera líquida contém menos solventes e pode ser aplicada de forma mais frequente na pintura, podendo ser utilizada uma vez por mês. Também remove riscos mais superficiais e ajuda a repor a proteção do verniz.

 

Cera em Spray:


Para ajudar e facilitar a nossa vida, a cada dia existem mais produtos práticos e rápidos. A cera em spray contém emulsão de silicone ou carnaúba, ajudando a repor a camada de proteção da pintura. Porém a cera em spray não tem a mesma função da cera liquida e não remove riscos nem as sujeiras impregnadas. Recomenda-se aplicar em veículos já previamente encerados ou polidos, ou seu efeito será reduzido.

 

Cera de Lava Rápido:


A cera de lava rápido é apenas um aditivo misturado ao sabão, oferecendo um brilho temporário à carroceria. A sua aplicação não remove riscos nem sujidade, e se o veículo não estiver encerado, ela não terá muito efeito.

 

 

Aplicação:


O produto deve ser aplicado com uma espuma, ferramenta inclusa na embalagem de algumas marcas, ou com esponjas próprias. Depois de aplicada, deve-se aguardar uma média de cinco minutos (o tempo varia de acordo com cada marca e pode ser conferido em sua embalagem) e, então, remover o excesso do produto com um pano microfibra. Uma dica é não aplicar o produto no carro inteiro de uma vez só. Recomenda-se ir por partes, começando com uma porta e um para–lamas, por exemplo.

 

Hoje temos uma grande variedade de marcas no mercado, pesquise bem e escolha a melhor opção que se encaixe em seu orçamento.

 


E você, sabia de todas essas características e importância da cera automotiva?

Realmente encerar o veículo é tão fundamental quanto a sua lavagem.



Gostou do conteúdo? Siga a gente no Facebook e Instagram e fique por dentro de tudo!

Fonte: Carro de Garagem | Matel